ONU pede mais 90 mil vagas para reassentar refugiados

6 de julho de 2011 · Notícias
Tamanho da fonte: Aumentar o tamanho da letraDiminuir o tamanho da letra


Share

O Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR) pediu na segunda-feira (04/07) que os países aumentem a cota para receber os refugiados. “Se os Estados não oferecerem mais vagas, quase 100 mil refugiados vulneráveis, que precisam ser reassentados, permanecerão sem solução alguma este ano”, afirmou o Diretor do Serviço de Reassentamento do ACNUR, Wei-Meng LimKabaa.

Atualmente, 80 mil lugares são disponibilizados por ano, mas a prioridade para 2012 é reassentar mais de 170 mil pessoas na África, Oriente Médio, Ásia e América Latina.

Em Consultas Tripartites na Suíça, o ACNUR demonstrou preocupação com o programa. No ano passado, mais de 100 mil refugiados foram apresentados pela agência, mas apenas 73 mil foram reassentados com a ajuda da ONU – em 2009 foram 85 mil. A queda significativa deve-se, entre outros fatores, aos rígidos controles de segurança impostos pelas nações.

O ACNUR pede, ainda, que os Estados acelerem os procedimentos de tomada de decisão e de liberação de embarque para garantir segurança aos refugiados o mais rápido possível.


Comentários

1 comentário para “ONU pede mais 90 mil vagas para reassentar refugiados”

  1. JULIO FRANCISCO DO NASCIMENTO em 23 de setembro de 2011 às 10:38 am

    UNIDOS SERMOS FORTES.

Deixe seu comentário










  • Campanha Livres & Iguais -- Por direitos e igualdade LGBT!


    Ano Internacional da Agricultura Familiar 2014

    Campanha O Valente não é Violento
    Una-se pelo fim da violência contra as mulheres


    Emergência em Gaza

    ONU e o Sudão do Sul

    ONU e a República Centro-Africana (RCA)

    ONU e a Síria




    Centro Regional de Informação das Nações Unidas (UNRIC) para a Europa Ocidental
    Clique aqui para acessar todas as campanhas e atividades da ONU Clique aqui para acessar todas a agenda da ONU e as datas internacionais